Fechar
Pesquise no conteúdo

DOENÇA CELÍACA

Data: 20/04/2016

  • DOENÇA CELÍACA
  • DOENÇA CELÍACA
  • DOENÇA CELÍACA
  • DOENÇA CELÍACA

É uma reação do sistema imunológico à ingestão de glúten, uma proteína encontrada no trigo, na cevada, no centeio, na aveia e no malte.

Não tem cura, mas o tratamento pode ajudar, requer um diagnóstico médico, freqüentemente requer exames laboratoriais ou de imagem. Com o passar do tempo, a reação imune ao consumo do glúten gera uma inflamação que danifica as paredes do intestino delgado, causando complicações médicas, também dificulta a absorção de alguns nutrientes devido à má absorção.

 Sintomas: O sintoma clássico é a diarréia, também apresentam distensão abdominal, gases, fadiga, anemia e osteoporose. Muitas pessoas não apresentam qualquer sintoma.

 Tratamento: A base do tratamento é uma dieta sem glúten para ajudar a gerenciar os sintomas e promover a cura do intestino.

 Não tem cura, mas o tratamento pode ajudar.

 Sites informativos:

 

RECEITAS

 Cuquinha de banana de liquidificador

A dica em receitas com bananas é usá-las bem maduras, pois elas adoçam as massas naturalmente e podemos usar menos açúcar.

  Para medir os ingredientes usar um copo medidor em xícaras e mililitros

      INGREDIENTES:

     Massa:

2 bananas bem maduras 

2 ovos

60 ml de óleo

40 ml de água

3/4 de xícara de açúcar mascavo (pode usar outro)

1 CS (colher de sopa) de canela

1 3/4 de xícara de farinha de arroz

1 xícara de polvilho doce

1 CS de fermento em pó químico

    Farofa:

4 CS de farinha de arroz

2 CS de açúcar mascavo

2 CS de óleo

Canela em pó a gosto

    MODO DE PREPARO:

    Farofa: Misturar todos os ingredientes até formar uma farofa.

    Massa:

  1. Bater no liquidificador os ovos, o óleo, o açúcar, a água, a canela e as bananas.
  2. Juntar a farinha de arroz e o polvilho doce e bater até formar um creme homogêneo.
  3. Desligar o liquidificador e incluir o fermento mexendo delicadamente sem bater.
  4. Passar a massa para uma forma untada ou forrada com papel manteiga.
  5. Espalhar a farofa por cima da massa.
  6. Levar ao forno 180º C até dourar por cerca de 25 minutos dependendo do forno
  7. Teste com um palito que deve sair sequinho.
  8. Retire do forno e se resistir deixe esfriar para cortar.

 

Pão de batata-doce

INGREDIENTES:   

1 1/4 de xícara de farinha de arroz

1 1/4 de xícara de polvilho doce

1 xícara de purê de batata-doce

2 ovos

1 CS (colher de sopa) de açúcar mascavo (pode usar outro)

1 CS de fermento biológico seco

1 colher de chá de goma xantana ou cmc (estabilizante utilizado para dartextura na massa)

1 colherinha de sal

2 CS de azeite ou óleo

1 colher de sobremesa de vinagre de maçã

150 ml de água morna

      MODO DE PREPARO:

  1. Cozinhe a batata doce até amolecer e amasse ainda quente.
  2. Unte uma forma de pão, polvilhe farinha de arroz e reserve.
  3. Em um recipiente misture os ingredientes secos, menos o sal. Reserve
  4. Na tigela da batedeira junte o purê de batata-doce, o sal, os ovos, o óleo, o azeite, o vinagre e a água morna.
  5. Ligue a batedeira e bata até ficar tudo bem misturado.
  6. Junte os ingredientes secos com os líquidos e bata por 2 minutos até formar uma massa homogênea.
  7. Passe a massa para a forma untada e alise umedecendo com água as costas de uma colher. (não encha muito a forma, lembre que o pão vai crescer).  
  8. Deixe descansando em um lugar quentinho para crescer (eu deixo crescer dentro do forno, quentinho mas desligado).
  9. Após o crescimento ligue o forno 180º C e deixe o pão assar até dourar.
  10. Mais ou menos 25 a 30 min. dependendo do forno está pronto.
  11. Retire do forno, desenforme e deixe esfriar em um grade.
  12. Guarde depois de totalmente frio. Pães sem glúten guardados mornos estragam com mais facilidade.   

Fonte: Equipe de Nutrição e Dietética

Ver todas as notícias

Confira outras notícias